quarta-feira, 17 de junho de 2009

iPhone Desbloqueado - Alguns bons programas para o seu smartphone livre !!

GPS, jogos, messenger, gravador de voz. Esses são alguns exemplos de softwares que só existem para o iPhone a partir da criação de hackers espalhados pelo mundo, sobre o firmware 1.0.2 desbloqueado. São programas que não existem para a Apple, que decidiu restringir a execução de aplicativos aos que rodam na web pelo navegador Safari embutido no aparelho.

Sua instalação é feita pelos programas INdependence (Mac) ou iBrickr (PC), que também servem para subir ringtones criados em editores de áudio, acessar o sistema de arquivos do iPhone e configurar a tela principal do celular.

Como acontece com qualquer bom hack, esses não têm suporte e nem garantia de que possam danificar seu aparelho. Por isso, use-os sabendo dos riscos em potencial. O problema mais comum que vem da instalação de softwares de terceiros é bugs nos aplicativos nativos do iPhone, que podem exigir um restore do firmware.



Installer.app

O Installer.app permite instalar dezenas de aplicativos do próprio iPhone. Divide os programas por categorias, que podem ser deletados pela sua interface, e avisa quando há novas versões para baixar. É o garçom dos softwares independentes do celular da Apple.

Dock.app

Se preferir, use o Dock.app. Ele cria um pequeno ícone no canto inferior direito da tela que, ao ser arrastado, dispõe os programas instalados no iPhone como um cinturão de ícones. Como brinde, permite tirar screenshots da tela do celular, que são salvos no álbum de fotos da câmera.

Summerboard

É o outro companheiro inseparável para quem quer instalar vários aplicativos no iPhone. Com ele, a tela principal do celular ganha rolagem e personalização com temas e papel de parede. O Installer.app tem vários temas para download. Os mais corajosos podem criar o seu próprio e ganhar fama internacional.

Navizon

Uma das decepções com o lançamento do iPhone foi a ausência do GPS. O Google Maps original do aparelho exige que o usuário informe a sua posição, em vez de adivinhá-la. Para resolver esse problema, instale o Navizon. O software usa redes Wi-Fi dos usuários conectados e as estações radiobase dos celulares para triangular a posição do aparelho. Por isso, não é considerado um GPS ‘verdadeiro’, mas fornece seu posicionamento com precisão bem razoável. É gratuito por 15 dias. Depois, o usuário tem que pagar US$ 24,99 por seu desbloqueio.

Nes

O emulador de Nintendo 8 bits foi um dos primeiros softwares independentes a surgir para o iPhone e é a porta para horas de diversão. O programa não traz nenhuma ROM - a imagem dos cartuchos do videogame - que tem que ser baixada em outro site. Os controles do console são emulados na tela sensível ao toque e funcionam, para espanto do gamer acostumado com o gamepad físico. Os games podem ser salvos ao sair da partida e são controlados na orientação horizontal ou vertical.

Tap Tap Revolution

A febre de Guitar Hero e do tradicional Dance Dance Revolution chegou ao iPhone. Use as músicas da sua lista do iPod e crie novas sequências para compartilhar com a comunidade. Mais uma vez, a interface sensível ao toque do celular é colocada em prática, num uso ainda não imaginado pela Apple.

Apollo IM

Outra falha do iPhone é a ausência de um mensageiro eletrônico - até o iChat do Mac OS X ficou de fora. O Apollo IM conecta o usuário do iPhone com o resto do mundo pelas redes do MSN, ICQ, AIM ou .MAC, com várias contas em simultâneo e conexão ativa mesmo com a troca de aplicativo.

Sendsong e Sendpics

Como bom MP3 player da Apple, o iPhone “virgem” não permite enviar músicas para outros usuários, por Bluetooth ou Wi-Fi. O SendSong acaba com esse problema ao anexar canções aos e-mails criados no software nativo do iPhone. O SendPics faz o mesmo com as fotos tiradas com a câmera do iPhone, permitindo enviá-las no tamanho original por e-mail - como padrão, o celular as reduz antes de anexá-las.

PushR

O software envia em lote todas as imagens da pasta de fotos para uma conta no álbum virtual de fotos Flickr.

Stumbler

O iPhone lembra quais redes Wi-Fi o celular já acessou e se conecta automaticamente. Com o Stumbler, no entanto, o usuário tem acesso aos detalhes de cada rede sem fio no alcance do aparelho, como o tipo de proteção, canal de frequência usado e a potência do sinal.

Mobile ToDo

O aplicativo permite criar listas de tarefas no iPhone em grupos específicos, com data de validade e prioridade. Como o software nativo de calendário, mostra no ícone da Dock o número de tarefas ativas para lembrar do que está pendente.

VNotes

Se a Apple não incluiu um gravador de voz no iPhone, os hackers resolvem o problema. O VNotes usa o microfone para chamadas de voz pelo celular e garante o envio do áudio por e-mail, com edição do nome do arquivo.

Services

Em pouco tempo, o usuário do iPhone descobre que o Safari e o cliente de e-mail embutidos no aparelho reduzem muito o uso de um notebook. Mas navegar na rede Edge das operadoras de celular é um exercício doloroso, principalmente para o bolso. O Services permite desligar a conexão Edge do aparelho, para limitar a troca de dados apenas na Wi-Fi - que também é interrompida se desejado.

E-Books

A tela de 3,5 polegadas do iPhone é talhada para se ler um bom livro. O Books é o primeiro e-book reader do iPhone e já conta com livros para download no Installer.app. O usuário pode criar suas próprias versões com o tutorial disponível na página oficial do aplicativo.

Veja mais em: Programas free para iPhone

Fonte: Celular MP3